Texto – Mulher grávida menstrua?


No canal Discovery Home & Health existe um programa muito interessante chamado Não sabia que estava grávida. Todos os episódios contam a história de duas mulheres que por diversos motivos só souberam que estavam grávidas na hora de dar a luz!

Em todos os casos há uma semelhança perturbadora: as grávidas continuaram “menstruando” normalmente durante toda a gestação. Escrevi “menstruando” entre aspas porque nem sempre era o sangramento menstrual de fato. Mas, para explicar o que aconteceu com essas mulheres (e que pode acontecer com você também, leitora deste post) precisamos “começar do começo”:

Primeiramente, o que é a menstruação?

As mulheres possuem dois ovários que são ligados ao útero pelas tubas uterinas, como na figura abaixo:

Todo mês, um dos ovários expele (solta) um óvulo que então fica em uma das tubas uterinas aguardando os espermatozoides, ou seja, a mulher ovula. Enquanto isso, o útero produz várias células que formam o endométrio, internamente, preparando-se para a implantação do feto. Ou seja, mensalmente o útero “espera” que a mulher engravide, então ele forma o endométrio para fixar o embrião, nutri-lo e por aí vai.

Se a mulher não faz uso de anticoncepcional, tem relação sexual (com um homem) sem preservativo durante a ovulação e o homem ejacula (expele o esperma) dentro da vagina, os espermatozoides se dirigem para as duas tubas uterinas “procurando” um óvulo para fecundar, como na figura abaixo:

Se a mulher engravidar, ela para de menstruar durante a gestação.

Mas se ela usa anticoncepcional (então os ovários não expelem os óvulos), ou tem relação sexual (com homem) e com preservativo, não ocorre a fecundação e, consequentemente, a mulher não engravida. Neste caso, o endométrio se desprega do útero e é eliminado, pelo canal vaginal, na forma de sangue (essa é a menstruação de fato). É tanta massa celular que o sangue pode sair coagulado, formando “pelotas” mesmo, principalmente nos primeiros dias da menstruação.

Mas então, como é possível que algumas grávidas “menstruem”?

Quando há sangramentos vaginais durante a gestação, as causas podem ser diversas, mas raramente são decorrentes de uma menstruação de fato. Por que não? Porque determinados hormônios femininos, produzidos depois da fecundação, “avisam” aos ovários que eles não podem expelir óvulos porque a mulher engravidou. Então os sangramentos que podem ocorrer na gestação, na maioria das vezes, são consequências de outros fatores.

Abaixo colei o texto da ginecologista Dra. Sheila Sedicias, retirado do site Tua Saúde (http://www.tuasaude.com/menstruacao-na-gravidez/), explicando exatamente as prováveis origens dos sangramentos durante a gestação:

A menstruação na gravidez é possível mas não é o ideal, devendo a grávida entrar em contato com seu médico o quanto antes.

Durante os 3 primeiros meses de gestação a mulher pode notar uma perda de sangue parecida com a menstruação. A gravidade vai depender dos sintomas e da quantidade de sangue perdida. Saiba mais:

Menstruação na gravidez, o que pode ser?

A perda sanguínea durante a gravidez, semelhante à menstruação, pode ser causada por:

  • Implantação do bebê: Nos primeiros 15 dias de gestação, pode haver um pequeno sangramento acompanhado de uma cólica ligeira, que representa a implantação do óvulo fecundado dentro do útero. Este sangramento é mínimo e não dura nem mesmo 1 dia, não sendo motivo de preocupação. Geralmente, ele é visto como uma menstruação fora de época, já que neste período a mulher ainda não descobriu estar grávida.
  • Alterações hormonais: Durante o primeiro trimestre pode haver pequenos sangramentos, nos dias em que viria a menstruação. Isso pode ocorrer devido às alterações hormonais que acontecem no corpo da mulher e, se ela for abundante, a mulher deve procurar um médico imediatamente, pois existe o risco de abortamento.
  • Sensibilidade do Colo do Útero: Devido a adaptação do colo do útero às novas dimensões do útero, pode haver um pequeno sangramento após o exame ginecológico ou após o contato íntimo. Isso é normal e acontece com  a maioria das grávidas, especialmente no final da gestação.
  • Gravidez Ectópica: Uma outra causa possível de perda de sangue na gravidez é a gravidez ectópica, que ocorre quando o óvulo fecundado está nas trompas e não no útero. Ali ele pode desenvolver-se normalmente, até por volta das 8 semanas, até que não tenha mais espaço e rompa a trompa causando um sangramento, acompanhado de dor pélvica semelhante a uma cólica menstrual.
  • Infecções: As infecções no sistema reprodutor e/ou no colo do útero também podem levar à perda de sangue na gravidez e devem ser tratadas o quanto antes.
  • Trabalho de parto: No último trimestre, a mulher que tiver perda de sangue acompanhada de contrações deve ir ao médico imediatamente, pois pode ser o início do trabalho de parto.

Qualquer perda sanguínea durante a gravidez deve ser avisada ao médico. As que vêm acompanhada de cólica, febre e em grande quantidade são as mais graves e a grávida deve entrar em contato com seu médico o mais rápido possível, pois ela pode estar tendo um aborto.

Nos casos em que a perda de sangue seja em pequena quantidade e não dure mais de 1 dia, sem sensação de dor ou desconforto, pode-se esperar até a próxima consulta do pré-natal.

Se a mulher não tem certeza de que está grávida, mas desconfia e ainda possui menstruação, deverá marcar uma consulta com o ginecologista com brevidade para averiguar a situação, pois não é normal ter nenhuma menstruação durante a gravidez.

Link útil:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Escola de Ciências

Um blog de apoio às aulas de Ciências do Ensino Fundamental (3º ciclo)

Whatever works!

Educação e Tecnologia: o dia a dia de uma PAPE iniciante...

Esquadrão do Conhecimento

A dúvida não passa por aqui.

Not Exactly Rocket Science

Science for everyone

Wild Muse

Meandering musings about the natural world: ecology, wildlife, and our environment. And books! LOTS of books!

Museu Natural do Mangue

Blog do Museu do Mangue

aprendizesdaciencia

blog dos educadores que aprendem ciência

gabrielrbrunoabioifes

Just another WordPress.com site

Aventurmaxciencia's Blog

Just another WordPress.com weblog

CIENCIAS NO SECULO XXI

Ensinar ciências no século XXI é um desafio cotidiano. Motivar os alunos e tornar as aulas atraentes é uma tarefa que tentaremos facilitar por meio deste blog, com atividades, textos, sugestões de experiências, filmes, atualidades. Enfim, tornar a tarefa de ensinar ainda mais prazerosa, é o nosso desejo.

Blogs de Ciência

Blogs de Ciência - Divulgação de todos os blogs em Português que versam a ciência. Parte do Projecto Divulgar a Ciência(.com)

blog do pontociência

Um blog de apoio às aulas de Ciências do Ensino Fundamental (3º ciclo)

%d blogueiros gostam disto: